FISK - Centro de Ensino: CONHEÇA A FISK  /  JORNAL FISK POR DENTRO CONVÊNIOS
Home blog

A História do Dia de Ação de Graças

Os peregrinos que velejaram para os EUA a bordo do Mayflower eram originariamente membros da Igreja Separatista Inglesa (uma facção puritana). Eles haviam anteriormente abandonado seu lar na Inglaterra e velejado para a Holanda a fim de escapar da perseguição religiosa. Lá eles gozaram de tolerância religiosa, mas por fim se tornaram desgostosos com o modo de viver holandês. Então foram para a América de navio, pagando pela viagem com o suor de seus corpos.

Os peregrinos se estabeleceram em Plymouth Rock em 11 de Dezembro de 1620.Seu primeiro inverno foi devastador. No início do outono seguinte, eles haviam perdido 46 das 102 pessoas que velejaram no Mayflower. Mas a colheita de 1621 foi próspera, e os colonos restantes resolveram celebrar com um banquete - incluindo 91 índios que tinham ajudado os peregrinos a sobreviver em seu primeiro ano.

O primeiro Dia de Ação de Graças durou 3 dias. Peru, torta de abóbora, peixe, frutas silvestres, lagosta, frutas secas, mariscos e ameixa são alimentos típicos desta celebração. Outubro de 1777 marcou a primeira vez em que todas as 13 colônias se reuniram em uma celebração de Ação de Graças.

Em 1863, o Presidente Lincoln, proclamou a última quinta-feira de novembro como o dia nacional de Ação de Graças. Hoje as famílias se reunem para jantar juntas e confratenizar. O prato principal é peru e torta de maça.

thanksgiving

 

Tags

Arquivo

  1. Facebook
  2. Twitter
logo rodape
// REDES SOCIAIS
twitter facebook vimeo feedburner
// ENDEREÇO

Rua Floriano Peixoto, 650 - Centro
(32) 3213-0044
fiskjf@oi.com.br

rodape assinatura cereja